10
Mar 08

Assim, Quim, não vais longe!

Estive a reler o que escrevi e não gostei.

Tem uma data de erros (agora tenho o Prontuário à mão) e algumas das frases estão assim como que... carcomidas(!).

O pessoal que leu e respondeu é no mínimo HEROICO e sabe ler nas entrelinhas de um "português" que tem de ser reciclado...

Já estava a precisar disto (de escrever) com autocritica (para reler com atenção) e de tudo o mais que se prende com uma escrita decente.

Eu sabia que a aventura da Net me ia fazer bem, mas não tão rapidamente:

Para já, comecei por encontrar um "Povo" altamente (como dizem os meus netos). Lí coisas engraçadissimas. Com substancia. Malta alegre! Um sem fim de abordagens desta vidinha que nos persegue.

Tinha(tenho) a ideia (por mim falo) que somos um povinho triste e sem graça.

O nosso humor, muitas vezes, limita-se ao palavrão e/ou sexo (não digo que um porra ou carvalhada não fique bem dentro de certos contextos - o que eu dava para ouvir, um dia destes, aqueles senhores muito compenetrados da AR, perderem a compostura e pronunciarem do alto de toda aquela "pamporra" uma sonora "carvalhada"!). Enfim, coisas de um espirito muito "estrambótico"... (ah! palavrinha linda)(com esta vs. não contavam - toca a puxar pelo tira-teimas).

Mas, não!, encontrei/encontro muita gente gira! Com um sentido de humor que me apraz!

E para terminar este diz-que-diz, um poema lindoooooooo! de um muito querido poeta moçambicano "Rui de Noronha":

À tarde

Não sei o que há de indefinivel, vago,

Na morna luz da tarde,

Que nos envolve de um etéreo afago

E como que nos arde.

De nós então parece que se evola

Um fumo de ansiedade

Que tímido cantando ascende e rola

Em busca da Verdade...

(publicado em Novembro de 1936, em LM)

Inté!

publicado por velhoscotaseafins às 19:48
sinto-me:
música: Gaivota de Carlos do Carmo

Realmente há blogs muito giros e cheios de humor. E ainda bem porque a vida do português está cada vez mais triste...
Belo poema! :)))

Um beijinho!
Miss Pepper a 10 de Março de 2008 às 22:03

Isto é como as cerejas!
O que interessa é a embalagem. Depois, pega-se no taxi da vida e... é sempre em frente!
Beijinho do cota

Muito giro és tu!!! :-)))

Sentido de humor refinado é das coisas que mais me encanta em alguém, sem dúvidas! :-)

Abração, Quim!! :-)
Crisálida a 10 de Março de 2008 às 23:16

Estamos juntos amiga Crisálida! (belo nome!)(Como a Dona?!). O GATO PARDO QUE SE CUIDE!
Aquele Abraço

hahahahaha
Mas ele se cuida e muito! Em todos os momentos que pode, durante o dia, todos os dias, cuida de nós, do que estamos construindo... Nunca conheci um homem mais romântico, mais carinhoso, que tenha tanto cuidado com um tesouro... que esteja tão disposto à contrução do amor... Nunca me senti tão amada e completa... E mesmo com toda a distância...
Então, ele se cuida e muuuuuuito! :-)))

Abração, meu amigo! :-))



Crisálida a 12 de Março de 2008 às 01:11

O melhor é não relêr! Ficamos sempre com vontade de corrigir... nunca está como queremos!

Mas este é sem dúvida um desafio interessante: escrever para os outros lerem!
Inté!
me a 11 de Março de 2008 às 10:12

Que giro!
Essa do "o melhor é não reler" é um belissimo tema para se falar de... vida!
Está claro, que na minha idade é sempre bom, de quando em vez, ir relendo. Porque relendo se vai enfrentando melhor as asneiras do di-a-dia... ou não será assim cara mamie2?
Jinhos e até já!

Estou tão contente! Mas tão contente! Por gostares também deste Mundo dos blogs! Tens aqui a tua fã nr.1!!!!!

Adorei o poema!
thathys a 11 de Março de 2008 às 10:22

Jinhos querida Tati e calma que as coisas sempre se vão compondo

É verdade que o nosso Portugalinho tem muita gente de cara "amarrada", mas também tem gente muito bem disposta e optimista, como me parece ser o seu /teu (?) caso!

Bem-vindo à blogosfera! Gostei!

Beijinho
Teia d´Aranha a 11 de Março de 2008 às 16:59

Gosto muito mais do "teu".
Sinto-me mais jovem e faz-me bem ao "ego".
Li algures (já nem sei onde) um poema (ou prosa poética"?) que começava assim: "Na teia do teu olhar me enredei..."
Vou ver se consigo lembrar o resto...(ou será que sonhei com a frase?).
"Na teia do teu olhar..."
Jinhos

Amigo Quim...
Bola prá frente que ainda há muito jogo...
Reforço os meus votos de felicidade para esta aventura que é o blog...
Um abraço...
Gatopardo a 12 de Março de 2008 às 00:49

Ei, ei, ei... Não vais atualizar? Teus leitores querem-te Quim! Não esqueça de nós! lol

Beijinhos
Crisálida a 14 de Março de 2008 às 11:55

Sabes, quando se está quase entrar nos seventy's é preciso volta e meia um período de reflexão. É isso que está a acontecer.
E também tem o Clube que dá cá uma trabalheira dos demónios (mas quem corre por gosto não cansa!...).
Volto a atacar no fim de semana.
Beijos

Março 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13

17
18
20
22

23
24
25
26
27
28

30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
Os Afins
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO